• SEEB Juazeiro

Presidente do BB pode prestar esclarecimentos no Senado



Após denúncia de ingerência política e restrição de crédito para estados liderados por opositores do governo Bolsonaro, o presidente do Banco do Brasil, Fausto Ribeiro, pode ter de prestar esclarecimento no Senado.

O requerimento da Comissão de Assuntos Econômicos aponta o empréstimo, repentino de R$ 5,3 bilhões para os estados e municípios, governados por apoiadores de Jair Bolsonaro, sem cobrar garantias em caso de inadimplência. Enquanto que para o Alagoas e a Bahia, liderados por adversários políticos do presidente, as negociações de crédito foram paralisadas pelo BB.

O TCU (Tribunal de Contas da União) também investiga a situação para apurar se a instituição financeira está cometendo ingerência política na concessão de crédito. Os bancos públicos são essenciais para reduzir as desigualdades entre estados e municípios, mas a manipulação política vai na contramão, resultando em prejuízo para a população e em desgaste da imagem da empresa. Fonte: Bancários Bahia

8 visualizações

Busca

Outras Notícias

insta.png
INSTAGRAM