top of page
  • SEEB Juazeiro

Itaú se mantém no topo entre marcas mais valiosas do país




O Itaú, um dos bancos campeões em demissões e fechamento de agências, se manteve no topo do ranking das marcas brasileiras mais valiosas. A empresa, que teve valorização de 9%, para R$ 44,4 bilhões, lidera a lista feita pela Interbrand desde 2001.

Enquanto vale muito para o mercado, o Itaú castiga os trabalhadores e os clientes. No ano passado, 239 agências foram fechadas, com 1.971 trabalhadores envolvidos. Do total de empregados, 74% foram realocados, 8% pediram demissão ou aderiram ao PDV (Programa de Demissão Voluntária) e 18% foram demitidos. Em 2023, já são 106 unidades encerradas, que envolveram 1.330 funcionários.

O Bradesco ocupa a segunda posição do ranking, que se valorizou 4% ante 2021, para R$ 28,6 bilhões. Já o Banco do Brasil aparece no quinto lugar, com valorização de 4%, para R$ 10,3 bilhões.

Prova de que é um setor que lucra muito com a exploração e segue inabalável, o sistema financeiro é o que tem mais peso no topo do ranking, com 59% do valor entre as 25 marcas mais valiosas do país, R$ 90,5 bilhões. O segmento de bebidas alcoólicas surge depois, com 22%, seguido por varejo, cosméticos e farmacêutico.


Bancários Bahia

2 visualizações

Comments


Busca

Outras Notícias

insta.png
INSTAGRAM
bottom of page