• SEEB Juazeiro

Favelas crescem o equivalente a 95 mil campos de futebol



Nos últimos 36 anos, a área das favelas no país apresentou crescimento equivalente a três vezes a área de Salvador (BA), 11 vezes a cidade de Lisboa, capital de Portugal, ou 95 mil campos de futebol. O levantamento do projeto MapBiomas Brasil analisa dados de 1985 a 2020 e mostra que as áreas urbanas dobraram, passando de 2,1 milhões de hectares para 4,1 milhões.

O avanço principal da urbanização é sobre os biomas Amazônia (2,55% ao ano), Caatinga (2,53%) e Cerrado (2,08%). Já a Mata Atlântica registrou crescimento menor (1,65%), mas ainda lidera em números absolutos, com 33 das 50 maiores áreas urbanizadas do país. A média nacional foi de 1,95% ao ano.

O estudo também destacou que cerca de um terço (34%) das áreas urbanizadas em 2020 eram de pastagens e de uso misto de agricultura e pastagem em 1985. Mas, vale destacar que, na região Norte, 32% do avanço se deu sobre vegetação nativa.

De acordo com os pesquisadores, quase 4,7% da expansão de áreas urbanizadas no período analisado tem características de informalidade, cujo crescimento acontece em períodos de retração do PIB (Produto Interno Bruto). O bioma que mais perdeu vegetação nativa para a expansão urbana nos últimos 36 anos foi o cerrado. Cerca de 127 mil hectares de um total de 388 mil hectares perdidos no país.

Fonte: Bancários Bahia

1 visualização

Busca

Outras Notícias

insta.png
INSTAGRAM