top of page
  • SEEB Juazeiro

Bahia e Sergipe debatem demandas no Itaú




As demandas e dúvidas dos funcionários do Itaú da Bahia e Sergipe foram debatidas pelos dirigentes sindicais, durante reunião por videoconferência, realizada na última terça-feira (27/09).

Os sindicalistas tiraram dúvidas sobre a renovação de acordos de teletrabalho e ponto eletrônico e o prazo de três meses que o Itaú deu aos funcionários para a obtenção da CPA (Certificação Profissional ANBIMA), acúmulo de funções e estrutura de cargos do banco.

Na ocasião, o advogado trabalhista João Porto comunicou que o Itaú não pode utilizar o assédio moral como instrumento para exigir a certificação dos trabalhadores. Também orientou que os dirigentes consultem as regras internas do banco para casos de bancários que não consigam a certificação no prazo estabelecido.

A reunião também contou com a participação da diretora da Federação da Bahia e Sergipe e membro da COE (Comissão de Organização dos Empregados), Andreia Sabino.


Bancários Bahia

5 visualizações

Bình luận


Busca

Outras Notícias

insta.png
INSTAGRAM
bottom of page