• Bancários Juazeiro

Conservadorismo em investimentos prejudica Funcef


O conservadorismo na política de investimento prejudica a recuperação da Funcef. Assim, a meta é reduzida e diminui a expectativa de benefícios de milhares de participantes.

Se a Fundação direcionasse mais recursos na renda variável, por exemplo, seria melhor. O segmento alcançou rentabilidade significativa em 2017 em todos os planos. Só que os ativos mais rentáveis são os menos contemplados na política de investimentos da entidade.

No Novo Plano são destinados 69,2% dos recursos em renda fixa, como títulos Públicos, 0,5% para investimentos imobiliários e os recursos investidos em operações com participantes (empréstimos), 6,4%. O problema é que o Novo Plano tem a menor a proporção de aposentados (cerca de 4%). Ou seja, a Funcef poderia arriscar mais com os cerca de 85 mil participantes ativos em fase contributiva.

2 visualizações

Busca

Outras Notícias

insta.png
INSTAGRAM