• SEEB Juazeiro

No BB, funcionário pode voltar ao trabalho remoto



Uma importante vitória foi concretizada pelos trabalhadores do Banco do Brasil. Todos os funcionários do grupo de risco para a Covid-19 com mais de 60 anos ou que apresentam condições clínicas de risco podem solicitar o retorno ao trabalho remoto. A pauta vinha sendo negociada entre a CEBB (Comissão de Empresa dos Funcionários) e a direção do banco.

Para solicitar, é preciso apresentar uma declaração e comprovação que se enquadra em alguns casos: cardiopatias graves ou descompensadas (insuficiência cardíaca, infartados, revascularizados, arritmias, hipertensão arterial sistêmica descompensada); neuropatias graves ou descompensadas (dependentes de oxigênio, portadores de asma moderada/grave, DPOC (Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica ); imunodepressão; Doenças renais crônicas em estágio avançado (graus 3, 4 e 5); diabetes, e gestações de alto risco.

A documentação (pareceres médicos e exames) deve ser enviada por meio de endereço eletrônico aos Sesmt (Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho). Enquanto o banco não se manifestar sobre o enquadramento nas condições clínicas, o funcionário deve permanecer em trabalho remoto.

Caso o Sesmt conclua que o funcionário não possui condições clínicas para o desenvolvimento de complicações de Covid-19, automaticamente deve retornar ao trabalho presencial.

Desde o ano passado que os sindicatos cobram a retomada do teletrabalho para as pessoas do grupo de risco. Outras reivindicações, como segurança e manutenção dos postos de trabalho, seguem em debate com o BB. Fonte: Bancários Bahia

3 visualizações

Busca

Outras Notícias

insta.png
INSTAGRAM