• SEEB Juazeiro

Governo autoriza aumento de até 10% nos remédios




Como se não bastasse a propaganda de medicamentos sem eficácia comprovada contra o coronavírus, o governo Bolsonaro autorizou aumento de até 10,08% no preço dos remédios. O reajuste já em vigor dificulta o acesso dos mais carentes à medicação.

O aumento foi feito através do Conselho de Ministros da Câmara, que definiu uma resolução onde foram estabelecidos três percentuais, seguindo a classe terapêutica e o perfil de concorrência dos remédios. No nível 1, o reajuste será de 10,08%, no nível 2 será de 8,44% e no 3 de 6,79%.

No último ano, o aumento dos preços foi de 5,21% e foi definido seguindo a inflação do período. A CMED (Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos) definiu em 4,88% o Fator de Ajuste de Preços Relativos entre Setores, mas o governo federal, incapaz de socorrer a população neste momento de crise sanitária, definiu o reajuste para mais do que o dobro do indicado.

2 visualizações

Busca

Outras Notícias