• SEEB Juazeiro

Fenaban propõe reajuste abaixo da inflação e Comando rejeita a proposta



Depois de quase dois meses de negociação, a Fenaban apresentou, na reunião desta sexta-feira (19/8), uma proposta de reajuste de apenas 65% da inflação para os salários e todas as demais verbas econômicas da categoria. O Comando Nacional dos Bancários rejeitou a proposta ainda na mesa de negociação.

Pelas projeções atuais, os 65% de reajuste da Fenaban corresponderiam a 5,82%, contra a estimativa do Banco Central de uma inflação de 8,95%, entre setembro de 2021 e agosto de 2022. Isso representa uma perda real de 2,9%, para a categoria. Um absurdo diante dos lucros cada vez maiores dos bancos.

Indignados com a proposta, os representantes dos bancários rejeitaram a proposta na mesa e pediram que os bancos tragam outra mais condizente com a reivindicação da categoria na próxima segunda-feira (22), quando será retomada a negociação, que segue durante toda a semana.

“A proposta da Fenaban foi muito ruim e demonstra o descaso dos banqueiros com a categoria, apesar da alta lucratividade do setor. A partir de agora, teremos que aumentar ainda mais a mobilização como nesta sexta-feira, dia de luta, para conquistarmos um acordo condizente com as possibilidades dos bancos e as necessidades dos bancários”, ressaltou o presidente da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe, Hermelino Neto, que integra o Comando Nacional dos Bancários.

Também participaram da negociação, o presidente interino do Sindicato de Sergipe, Everton Castro, e o secretário geral da Feebbase, Emanoel Souza. Fonte: FEEB

0 visualização

Busca

Outras Notícias

insta.png
INSTAGRAM