top of page
  • SEEB Juazeiro

Fenaban enrola e não apresenta uma proposta global




O Comando Nacional dos Bancários e a Fenaban se reuniram mais vez nesta segunda-feira (15/8), para mais uma rodada de negociação da campanha salarial 2022. Apesar da cobrança insistente dos trabalhadores, os bancos ainda não apresentaram uma proposta para a minuta de reivindicações da categoria.

Nesta segunda, a Fenaban levou uma consultoria de recursos humanos para apresentar os dados de uma pesquisa feita pelos bancos, na qual mostra um alto grau de satisfação dos bancários com o trabalho, além de destacar que todas as metas dadas são executadas.

Os números causaram surpresa, pois vão de encontro aos levantamentos feitos pelos sindicatos. O Comando contestou os dados e questionou a empresa sobre os métodos utilizados pelos bancos para realização da pesquisa. A empresa não soube responder se os canais dos bancos eram efetivos ou como a consulta foi feita ao trabalhador.

A apresentação dos bancos gerou muita reclamação do Comando, que avaliou isso como uma grande tentativa de descaracterizar as pesquisas realizadas pelos sindicatos, universidades e outros órgãos, que tratam da saúde do trabalhador.

Pelos argumentos dos bancos, o adoecimento e o uso de medicamentos tarja preta apresentados nas pesquisas, não tem relação com o trabalho no setor e acontecem em todas as categorias.

Na reunião, o presidente da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe, Hermelino Neto, lembrou à Fenaban, que é preciso ter um olhar diferente sobre a saúde do trabalhador. “A pesquisa só apontava índices extremamente elevados de satisfação. Ela não abordou o adoecimento dos bancários e nem apontou soluções para isso”.

Neto falou também sobre os suicídios que vêm acontecendo, muitas vezes no próprio local de trabalho. “Isso mostra um ambiente doente, já que o bancário procura o local de trabalho para cometer o suicídio. É preciso fazer novas pesquisas sobre o tema. Nós temos feito isso a algum tempo, com números consistentes”, destacou.

Teletrabalho

Outro assunto abordado na reunião de hoje foi o teletrabalho. Os bancos se mostraram dispostos a discutir a questão do controle da jornada, também apresentaram umas questões sobre sindicalização e outras cláusulas, que serão discutidas com mais calma nas próximas negociações.

A próxima reunião acontece na quinta-feira (18).


Feeb

56 visualizações

Busca

Outras Notícias

insta.png
INSTAGRAM
bottom of page