• SEEB Juazeiro

Com Bolsonaro, preços dos combustíveis disparam



Com a política ultraliberal do governo Bolsonaro, o preço da gasolina e do etanol dispararam em 2021. Segundo a ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), a gasolina subiu 46% e o etanol, 58%.

Em janeiro de 2020, o preço médio da gasolina era de R$ 4,60 nas bombas. Mas, no fim de 2021 estava custando R$ 6,67, em média. Já o litro do diesel passou de R$ 3,60 para R$ 5,30. O etanol saiu de R$ 3,20 para R$ 5,10 na média nacional.

Só no ano passado, o governo Bolsonaro promoveu 16 reajustes no preço da gasolina e 12 no diesel. Vale lembrar que no Brasil é onde mais se gasta com combustível. Para completar o tanque de 35 litros, o brasileiro compromete 22% do salário. Em outras nações, o gasto máximo é de 11,5%. Fonte: Bancários Bahia

0 visualização

Busca

Outras Notícias

insta.png
INSTAGRAM