• SEEB Juazeiro

Bancos não têm compromisso social com o país


Os bancos não têm a mínima responsabilidade social com o Brasil, apesar de terem autorização do Estado para lidar com o dinheiro das pessoas. Em meio às crises econômica e sanitária, com desemprego e custo de vida em níveis altíssimos, as empresas fecham agências e demitem funcionários.

Em dois anos de pandemia (março de 2020 e março de 2022) desligaram mais de 15 mil trabalhadores. Desde 2013 foram 77 mil cortes, segundo dados do Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos).

Em contrapartida, o lucro segue crescendo. BB, Bradesco, Caixa, Itaú e Santander obtiveram lucro líquido de R$ 27,6 bilhões no primeiro trimestre deste ano. Em 2021, pior ano da pandemia de Covid-19, o resultado chegou a marca dos R$ 107 bilhões.

Os dados não deixam dúvidas. O único objetivo do sistema financeiro é ampliar os ganhos. Nem que para isso ajude a agravar o desemprego. No Brasil, mais de 12 milhões de pessoas estão sem trabalho hoje.


Bancários da Bahia

4 visualizações

Busca

Outras Notícias

insta.png
INSTAGRAM