Bancos lucram R$ 13,7 bi no primeiro trimestre

18.05.2020

 

Mais um motivo para o sistema financeiro dá uma contribuição significativa à sociedade, seja pessoa física ou jurídica, na crise causada pelo coronavírus. O lucro líquido dos quatro maiores bancos em atividade no Brasil – BB, Bradesco, Itaú e Santander – bateu na casa dos R$ 13,7 bilhões no primeiro trimestre do ano, segundo levantamento da Economática. 


O resultado deixa claro que as organizações financeiras, sempre privilegiadas pelo governo, podem e devem ajudar o país a superar a crise causada pela Covid-19. Importante lembrar que no início da pandemia, o Banco Central destinou recursos para os bancos privados que, somados a outras ações governamentais, chegam perto de R$ 1 trilhão.


Entre as medidas, a liberação adicional de R$ 68 bilhões em depósitos compulsórios. Detalhe, em fevereiro o BC já havia liberado de R$ 135 bilhões com o mesmo intuito. No fim das contas, em menos de dois meses, foram R$ 203 bilhões só para esse quesito.


PDD
Os dados divulgados pela Economática revelam que, na prática, o lucro dos quatro maiores bancos do país foi muito maior do que o divulgado. É que todas as empresas elevaram consideravelmente as PDDs. 


A Provisões para Devedores Duvidosos chegaram a R$ 28,38 bilhões em apenas três meses. Importante lembrar que a PDD é um valor separado pelos bancos para cobrir possíveis calotes dos clientes. Na verdade, um truque muito utilizado para esconder o lucro real.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Vídeos

Please reload

Busca

© Copyright 2017 - Sindicado dos Bancários de Juazeiro e Região (SEEB)
Rua Sete de Setembro, nº 71 - Centro - Juazeiro/BA - CEP: 48.903-670
Fone: (74) 3611-3312 - E-mail: seebjuazeiroeregiao@yahoo.com.br
Todos os Direitos Reservados.