• Bancários Juazeiro

PL que ataca pessoas com deficiência é suspenso



Trabalhadores organizados conseguiram uma importante vitória frente aos ataques do governo. Foi suspensa a votação do projeto de lei que desobriga empresas de contratarem deficientes ou trabalhadores reabilitados.

A conquista se deu em um dia simbólico. Terça-feira (03/12) foi o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência. O PL foi encaminhado em regime de urgência, estrategicamente para ser votado em um prazo de cinco sessões.

A conquista faz valer à suma de que a união faz a força. Movimentos sociais fizeram pressão em atos e articularam-se com parlamentares sobre o absurdo que se tratava o projeto.

O embate não acabou. Futuramente a mobilização terá de ser feita, já que o governo Bolsonaro atende aos interesses dos empresários que patrocinaram a eleição. A contrapartida é onerar os trabalhadores, acabando com os direitos trabalhistas de todos.

0 visualização

Busca

Outras Notícias