© Copyright 2017 - Sindicado dos Bancários de Juazeiro e Região (SEEB)
Rua Sete de Setembro, nº 71 - Centro - Juazeiro/BA - CEP: 48.903-670
Fone: (74) 3611-3312 - E-mail: seebjuazeiroeregiao@yahoo.com.br
Todos os Direitos Reservados.

Expectativa de um trimestre gordo nos bancos

06.05.2019

 

 

É tão contraditório o ritmo de crescimento dos bancos, se comparado com a economia do país, que patina desde o golpe de 2016. A previsão de lucro das maiores organizações financeiras de capital aberto do Brasil - Itaú, Bradesco, Santander e Banco do Brasil - é de R$ 20,169 bilhões apenas no primeiro trimestre de 2019. O valor é 16% maior do que o registrado no mesmo período de 2018, de R$ 17,382 bilhões.

O balanço dos três primeiros meses do ano divulgado por Itaú, Bradesco e Santander mostra que o resultado pode ser ainda maior. O maior banco privado do país - Itaú - lucrou R$ 6,9 bilhões no período. Bradesco, R$ 6,2 bilhões e do espanhol Santander chegou a R$ 3,48 bilhões. Os três juntos tiveram ganho de R$ 16,58 bilhões.

Com tanto lucro, não se ouve falar em aumentar o número de agências nem de empregados. Pelo contrário. Fecham unidades e ainda fazem os clientes esperarem nas filas enormes. Sem contar as taxas de juros altíssimas. 

Além disso, as agências em funcionamento estão sempre correndo perigo com assaltos, arrombamentos e explosões. Os ataques contra as unidades cresceram em 2018. Na Bahia, foram 52 casos. O Estado com maior número de ocorrências foi o Rio de Janeiro, com 1.044 casos em 12 meses. 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Vídeos

Please reload

Busca