Brasil é líder mundial em consumo de agrotóxico

03.04.2019

 

Cada brasileiro consome, em média, 7,3 litros de agrotóxicos por ano. O dado faz do país o líder mundial em ingestão de pesticidas. E o número de veneno na mesa do cidadão não para de crescer. Um risco à saúde.

Para se ter ideia, em 2015 o Brasil liberou o uso de 139 agrotóxicos. Em 2018, a aprovação triplicou, saltando para 450. Neste ano, em apenas dois meses, o governo Bolsonaro liberou o uso de 121 pesticidas.    

Dos 2.184 produtos consolidados no país, 715 estão na classificação de extremamente tóxicos e 309 como altamente tóxicos. O que quer dizer têm grande probabilidade de adoecer a população consumidora e os trabalhadores rurais, expostos diariamente ao veneno.

Especialistas alertam que o contato com os agrotóxicos - inclusive os de menor nível de toxicidade - pode causar desde intoxicação aguda, com fraqueza, vômitos e tontura, até intoxicação crônica: alterações cromossomiais, alergias, doença de Parkinson, má formação fetal e câncer. Tudo em curto, médio ou longo prazo.

A Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) aponta 4 mil casos de intoxicação por pesticidas em 2017. No ano passado, 154 pessoas morreram em decorrência do contato com os venenos. 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Vídeos

Please reload

Busca

© Copyright 2017 - Sindicado dos Bancários de Juazeiro e Região (SEEB)
Rua Sete de Setembro, nº 71 - Centro - Juazeiro/BA - CEP: 48.903-670
Fone: (74) 3611-3312 - E-mail: seebjuazeiroeregiao@yahoo.com.br
Todos os Direitos Reservados.