© Copyright 2017 - Sindicado dos Bancários de Juazeiro e Região (SEEB)
Rua Sete de Setembro, nº 71 - Centro - Juazeiro/BA - CEP: 48.903-670
Fone: (74) 3611-3312 - E-mail: seebjuazeiroeregiao@yahoo.com.br
Todos os Direitos Reservados.

Mercado de trabalho brasileiro preconceituoso

31.10.2018

 

 

Milhões de brasileiros com deficiência física sofrem na busca por uma chance no mercado de trabalho. Mesmo obrigadas por lei a contratarem, as empresas fazem vista grossa.

No Brasil, cerca de 7 milhões de trabalhadores com alguma deficiência estão aptos ao trabalho, mas apenas 405,3 mil estavam no mercado formal, mostra o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Segundo a Lei de Cotas (8.213/91), as empresas com mais de 100 empregados devem reservar, pelo menos, 2% das vagas para pessoas com deficiência. Se fosse cumprida, 827 mil postos de trabalho estariam disponíveis atualmente no país.

Além das dificuldades para ingressar no mercado, o trabalhador com deficiência ocupam cargos mais baixos, mesmo quando tem qualificação. O relatório mostra ainda que os deficientes visuais têm menor percentual de contratação. Os mais admitidos são os que têm deficiência leve. 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Vídeos

Please reload

Busca