• Bancários Juazeiro

Negro jovem é o alvo dos homicídios no Brasil


A população negra continua sendo o principal alvo de assassinatos no país. Em 2016, foram registrados 62.517 homicídios. O número é 30 vezes maior do que a Europa. No intervalo de 10 anos (2006 e 2016) foram 553 mil homicídios, mais do que o número de mortos na guerra da Síria.

Os jovens negros - entre 15 e 29 anos - são as principais vítimas. Entre essa parcela da população o índice cresceu 23% no período, conforme consta no Atlas da Violência, lançado pelo Ipea (Instituto Brasileiro de Pesquisa Econômica Aplicada), em parceria com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Quando analisados o gênero e todas as faixas etárias, a taxa de homicídios entre a população negra também revela elevação de 23%, enquanto que a de não negros caiu 6,8%.

O Nordeste registra o maior índice de assassinados. Sergipe é o primeiro da lista, com 79 homicídios para cada 100 mil habitantes. Depois aparecem Rio Grande do Norte, 70,5 a cada 100 mil pessoas, e Alagoas, com 69,7 assassinados para cada 100 mil habitantes. A pesquisa destaca que o controle de armas ilegais como ação central para reduzir o alto índice de homicídios.

0 visualização

Busca

Outras Notícias

INSTAGRAM
© Copyright 2017 - Sindicado dos Bancários de Juazeiro e Região (SEEB)
Rua Sete de Setembro, nº 71 - Centro - Juazeiro/BA - CEP: 48.903-670
Fone: (74) 3611-3312 - E-mail: seebjuazeiroeregiao@yahoo.com.br
Todos os Direitos Reservados.