• Bancários Juazeiro

Seminário prepara bancários para enfrentar reforma trabalhista


A reforma trabalhista é um tema de grande interesse para os trabalhadores. Isto ficou bem evidente no último sábado (28/10), durante o Seminário Jurídico realizado pela Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe para debater os impactos da nova legislação nos direitos da categoria bancária.


Foram dois turnos de intensa discussão sobre o tema, com exposição de advogados da área sindical sobre diversos pontos da reforma, e o auditório do Hotel Portobello, em Salvador, se manteve sempre lotado. Ao todo 130 pessoas estiveram no evento, com representação das bases sindicais da Feebbase e também de trabalhadores de outras categorias, que aproveitaram a oportunidade para conhecer mais sobre o assunto.


“Diante das perspectivas nada favoráveis para o trabalhador brasileiro, que passará a ter menos direito que um cachorro de rua com a reforma, a Federação se viu obrigada a fazer este seminário para discutir este assunto tão importante. Espero que os participantes levem este conhecimento para as suas bases e alertem os trabalhadores que ainda não entenderam o que está em jogo com esta reforma”, ressaltou o diretor Jurídico da Feebbase, Erivaldo Sales.


Para ele, o seminário cumpriu seu papel de trazer especialistas para falar mais detalhadamente sobre os pontos mais importantes da Lei 13.429/2017, que entra em vigor no dia 11 de novembro, e vai mudar para pior as relações de trabalho no país.


A Feebbase agradece a todos que participaram do evento, em especial aos advogados Humberto Marcial, do Sindicato dos Bancários Minas Gerais​; Tatiana Moreira Rossini de Oliveira, da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe e do Sindicato dos Bancários de Feira de Santana; Fernando Hirsch, do Sindicato dos Bancários de Campinas (SP); Gustavo Garbelini, do Sindicato dos Bancários de Florianópolis (SC​); Ivan Isaac Ferreira Filho, da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe e do Sindicato dos Bancários de Feira de Santana, e Antônio Vicente Martins, do Sindicato dos Bancários de Porto Alegre (RS), pelas contribuições que deram para o debate.


Feeb Base

2 visualizações

Busca

Outras Notícias

insta.png
INSTAGRAM